RESENHA - O Mar Infinito

www.dreamsandbooks.com
Olá, leitores! Tudo bem?
Hoje eu venho com a resenha de O Mar Infinito, segundo livro da trilogia A 5ª Onda.

Título: O Mar Infinito
Autor: Rick Yancey
Editora: Fundamento
Número de páginas: 248
Skoob: Adicione


"Essa promessa, como todas as promessas, criou a própria moralidade.
Para cumpri-la, ela teria que atravessar um mar de sangue."
Sinopse:
Como livrar a Terra de 7 bilhões de humanos? Tire a humanidade deles. 
Cassie Sullivan e seus amigos sobreviveram às quatro ondas de destruição provocadas pelos Outros. Agora, com a raça humana quase exterminada e a 5ª Onda encobrindo a Terra, os sobreviventes devem escolher: encarar o inverno e esperar o retorno de Evan Walker ou partir à procura de abrigo antes que o inimigo os alcance. Porque o próximo ataque é mais do que possível – ele é inevitável.

Os homens ainda não viram as profundezas até onde os Outros podem descer nem os Outros viram a que alturas a humanidade pode se erguer. Esta é a derradeira batalha entre vida e morte, esperança e desespero, amor e ódio.


"Primeiro, eles nos ensinaram a não confiar neles.
Depois, ensinaram a não confiar um no outro.
Agora estão nos ensinando que não podemos nem ao menos confiar em nós mesmos."

A 5ª Onda foi uma das minhas grandes surpresas desse ano. O livro me prendeu totalmente, me conquistou e me deixou ansiando por mais dessa história maravilhosa.

Por isso, quando comecei a leitura de O Mar Infinito eu não esperava me surpreender. Eu pensei que já soubesse o que esperar. Não poderia estar mais enganada.
“Estou me afogando em sangue.
Não o meu.
O sangue dos bilhões que morreram antes de mim, um mar infinito de sangue que me envolve e me puxa para o fundo sem luz."

www.dreamsandbooks.com
Foto por Dreams & Books.
Instagram @dreamsebooks
Se em A 5ª Onda eu me vi totalmente extasiada com a trama e os acontecimentos, com O Mar Infinito eu estava totalmente largada em posição fetal tentando absorver a grandiosidade dessa história.

Assim como aconteceu com o primeiro livro, não precisei de muitas páginas para me jogar de cabeça na história e receber todos os tiros que o autor dava sem piedade, tiros esses em forma de acontecimentos, reviravoltas e revelações.

"Desejar coisas que perdemos é o mesmo que esperar coisas que nunca poderão acontecer.
As duas estradas terminam num desesperador beco sem saída.”

A forma como Rick Yancey escreve faz com que a cada página lida a sua empolgarão aumente, e ela vai aumentando até chegar a um nível impossível de ser medido, você só consegue se sentir completamente apaixonado por essa história e todos os seus detalhes e características. 

Assim como ocorreu com o livro um, em diversos momentos precisei parar a leitura para fazer exclamações em voz alta e respirar um pouco. O ritmo alucinante estava me matando e injetando vida em minhas veias ao mesmo tempo.

Em A 5ª Onda eu comecei a me perguntar 'Que. Livro. É. Esse?' E durante toda a leitura de O Mar Infinito e mesmo agora após ter terminado, continuo me fazendo essa pergunta. Também passei a me questionar: "Que trilogia maravilhosa é essa?' e 'Como eu pude demorar tanto para começar a lê-la?' Até o momento não tenho as respostas.

"Sou maior do que a soma do meu medo."

A diagramação de O Mar Infinito está incrível e segue bem a de A 5ª Onda. As páginas são amareladas, a fonte tem um tamanho perfeito e ele possui orelhas. O livro está divido em partes e em casa parte há a figura da capa. 

Tudo está muito bem trabalhando, mostrando o cuidado e amor que a editora teve com a obra. Não encontrei erros, não há nada a reclamar. Tudo está maravilhoso!

"Não há esperança sem fé, não há fé sem esperança, não há amor sem confiança, não há confiança sem amor.
Tire um e todo o castelo de cartas humano desaba."

wwww.dreamsandbooks.com
Foto por Dreams & Books.
Instagram @dreamsebooks
Ainda sobre a escrita de Rick Yancey, nem consigo definir em palavras o quão incrível ela é! Ela te prende desde o começo e não te permite interromper a leitura por mais de alguns segundos por vez. A escrita te suga para dentro do livro, você se vê totalmente envolvido. A forma de escrever do autor é fluida, fascinante, apaixonante... É impossível não se encantar totalmente pela história logo no começo! 

Eu me apaixonei mais uma vez e mais e mais pelos personagens. Isso se dá por eles serem tão reais! O fato de cometerem erros, tomarem decisões questionáveis os torna tão críveis que é impossível não se conectar e até mesmo se colocar no lugar deles. Você sente tudo o que os personagens sentem, todos os sentimentos conflitantes, sofrimento, as dúvidas fazem seu amor e admiração crescer a cada parágrafo. Essa capacidade de te colocar totalmente no lugar dos personagens é um dos muitos méritos da escrita do autor.

“Mas há coisas que dizemos a nós mesmo sobre a verdade e há coisas que a verdade diz sobre nós.”

Mais uma vez só me resta pedir para que dê uma chance a essa trilogia! Não hesite. Os livros misturam gêneros como romance, aventura, suspense, ficção científica e sem dúvida, essa mistura vai conquistar seu coração. 

Não hesite. Se permite passar por essa experiência incrível junto com Cassie e os outros protagonistas. Junto com eles lute, sobreviva, ame! 

"Você pode esmagar nossos corpos, mas nunca nosso espírito."

Um comentário:

  1. Olá Lorrane!
    Não conhecia a trilogia A 5ª Onda e nem o autor Rick Yancey. Gosto de livros que trazem personagens reais, que cometem erros e tomam decisões questionáveis, assim como os de O Mar Infinito.
    Além disso, o título do livro é bastante instigante, a capa é maravilhosa e a leitura, pela sua indicação, parece ser inesquecível. Afinal, um livro que reúne romance, aventura, suspense e ficção científica só pode ser espetacular.
    Vou anotar a dica!
    Abraços

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.