RESENHA - A Cruz de Zeta

Olá leitores! Tudo bem?
Hoje eu venho com a resenha de A Cruz de Zeta. Confiram: 

Título: A Cruz de Zeta
Número de Páginas: 173
Autora: Fátima Venceslau
Editora: Ases da Literatura 
Fanpage: Curta 
Skoob: Adicione
Sinopse:

Júlia, uma jovem de 17 anos, moradora da cidade do Rio de Janeiro, conhece um misterioso jovem chamado Marcos e apaixona-se por ele. 
O que ela nem imagina é que o rapaz é um alienígena. É do tipo nórdico: alto, loiro e de olhos azuis. Vive na Terra como um humano. Seu objetivo é cuidar de Júlia e protegê-la contra outro grupo de alienígenas: os reptilianos. Saulo é um tipo rebelde e irônico que gosta de se vestir no estilo gótico e, em princípio, persegue Júlia o tempo todo. Mas, por quê? O que ele quer com ela?
Uma guerra pode começar a qualquer momento pela sobrevivência de duas espécies diferentes: os nórdicos e os reptilianos. E, para azar dos humanos, o planeta Terra será seu campo de batalha, pois ambos cobiçam seus recursos minerais e vegetais. Em meio a tudo isso, Júlia descobre que seu passado não é bem o que ela imagina, e agora não sabe mais o que esperar de seu futuro.



"E se você descobrisse que não é quem você pensa?"


Eu não sou muito fã de livros sobrenaturais e não escondo isso, mas, após ler Cisne, os aliens ganharam um espaço no meu coração! Depois dele embarquei de cabeça nesse universo alienígena e li IntergalácticaLinhagens e Obsidiana.

Nesse meio tempo também li A Cruz de Zeta, que, ao contrario dos outros, não me agradou 100%. 

O meu maior problema com ACZ foi a Júlia, a personagem principal. Eu a achei tão irritante e em alguns momentos, tão chata que me prejudicou quanto a gostar totalmente da história. 

Já vi muitos casos onde a pessoa não se identifica com o protagonista e por isso, acaba não conseguindo concluir a leitura da série e ás vezes, até de um único livro mesmo. Isso não aconteceu comigo, eu terminei a leitura, mas, acabou interferindo no meu amor pela história. 

Foto tirada pela blogueira. Instagram @dreamsebooks
A ideia do livro é ótima, a autora teve uma imaginação incrível e conseguiu criar algo totalmente original. A única ressalva é que a história poderia ter sido mais bem trabalhada. Foi focado demais no romance e pouco em todo o resto. Um contexto incrível acabou sendo mal aproveitado. 

Um ponto positivo é que a história se passa no Brasil, mais precisamente no Rio de Janeiro. E ela aborda alguns pontos turísticos e um pouco da história do país. É com certeza, louvável essa atitude da Fátima de escolher o território nacional para ambientar seu livro. 

Gostei bastante dos outros personagens e da história em geral. Há muitas surpresas e reviravoltas. Como eu já deixei claro, me encantou a originalidade dela! O universo do livro é incrível e foi sem dúvida, o que eu mais gostei de ACZ! 

A diagramação está excelente. As páginas são amareladas, o livro tem orelhas, as letras tem um ótimo tamanho e há cruzes de Zeta espalhadas por todo livro! Ah, amei essa capa! 

Eu com certeza recomendo esse livro! Apesar da Júlia, gostei bastante dele. Só não foi tanto quanto gostaria se ela não fosse menos chata. Espero que tenham mais sorte quanto a gostar da Júlia do que eu.

Fiquei completamente apaixonada pelo universo que a Fátima criou e não vejo a hora de ler o próximo volume! 

E aí, o que acham de embarcar em outra história de aliens? 

Tecnologia do Blogger.