ENEM - Dicas de português

 Continuando com as nossas queridas dicas, vamos agora para o uso de algumas palavras quem tem a escrita muito parecida, mas, com significados diferentes. 

(I) Ao invés / (II) Em vez

I. Significa “ao contrário de”
→ Ex.: Ao invés do que previu a professora, ele passou de ano. 

II. Significa “no lugar de” 
→ Ex.: Em vez de jogar futebol, preferimos ver animes. 

(I) Haja / (II) Aja

I. Do verbo “haver” 
→ Ex.: Espero que ainda haja de tempo de consertar as coisas. 

II. Do verbo “agir” 
→ Ex.: Espero que ele aja com sabedoria.

(I) Há anos / (II) A anos / (III) À anos

I. Indica tempo passado 
→ Ex.: Ele chegou do Japão há um ano. 

II. Indica tempo futuro 
→ Ex.: Daqui a dois anos eu farei intercâmbio. 
III. Sinto lhe informar que essa expressão não existe. 

(I) Mal / (II) Mau

I. Opõe-se a “bem” 
→ Ex.: mal-humorado (bem-humorado). 

II. Opõe-se a “bom” 
→ Ex.: mau humor (bom humor).

(I) Aonde / (II) Onde
I. Usa-se com verbos que dão ideia de movimento. Equivale sempre a “para onde” 

→ Ex.: Aonde você vai? 

II. Usa-se com verbos que não dão ideia de movimento 
→ Ex.: Onde estão os remédios?

(I) A gente/ (II) Agente


I. Quando se refere a “nós”, é separado, resultando em “a gente”. 
→ Ex: a gente foi ontem à festa, (nós fomos).

II. Já “agente” é derivado do verbo “agir”, sendo aquele que AGE, então é tudo junto. 
→ Ex: o agente pesquisava, mas nada descobria. 
Para ficar ainda mais fácil, lembre assim: agente (junto)  é igual a 007. 

(I) Acender / (2) Ascender

I. Significa pôr fogo, ligar, animar. 
→ Ex: Você não pode acender a vela. 

II. Significa subir, elevar-se. 
→ Ex: É para ascender até o último andar do prédio.

(I) Vir-me-ei / (II) Virei-me

I. Do verbo “vir”, está conjugado no futuro. (mesóclise)
→ Ex: Vir-me-ei até ti.

II. Do verbo “virar”, está conjugado no passado. 
→ Ex: Eu virei-me para ela.
Na dúvida, use a informalidade de colocar o pronome antes do verbo (me virei).

(I) Mas / (II) Mais

I. “Mas” indica uma ideia contrária, sendo substituído por “porém”. 
→ Ex: Frequentava a faculdade, mas era vagabundo.

II. “Mais” é o contrário de “menos”; então, basta substituir por “menos” para ver se está correto. 
→ Ex: eu preciso de mais farinha. (de menos farinha). 

(I) A par / (II) Ao par

I. Significa ciente. 
→ Ex: estou a par da situação. 

II. É usado na área financeiro-comercial, significando “sem ágio” no câmbio. 
→ Ex: o dólar e o euro continuam ao par.

(I) Censo / (II) Senso

I. Significa recenseamento. 
→ Ex: o último censo do IBGE indicou que a taxa de natalidade no Brasil está diminuindo.

II. Significa juízo. 
→ Ex: ele não tinha senso algum.

(I) Sob / (II) Sobre

I. Quer dizer "debaixo de". 
→ Ex: Me escondi sob a árvore.

II. Quer dizer o oposto: "por cima de". 
→ Ex: Andei sobre a ponte.

(I) Acerca de / (II) Há cerca de / (III) A cerca de

I. É uma locução prepositiva e significando “a respeito de” 
→ Ex.: A discussão acerca das cotas... - Usem nas redações, fica show! 

II. É uma expressão que indica tempo decorrido, equivalente a “faz aproximadamente” 
→ Ex.: Há cerca de uma semana, os advogados discutiram a divisão de bens. 
III. Equivalente a "perto de"; "próximo a" 
→ Ex.: Estávamos a cerca de 2 km da cidade.
Tecnologia do Blogger.